CADEIRAS

Francisco Matarazzo Sobrinho (Ciccillo Matarazzo) - Cadeira 01
Francisco Matarazzo Sobrinho (Ciccillo Matarazzo) - Cadeira 01

 

 

 

Uma das principais personagens da história da cultura brasileira do século XX, Francisco Matarazzo Sobrinho, o Ciccillo, nasceu em São Paulo, em 1898. Grande industrial da época, em 1945 Ciccillo consolida seus contatos com intelectuais de projeção e com representantes das elites paulistas, passando a se dedicar à ação cultural. A partir daí, até sua morte, em 1977, os principais eventos e instituições culturais paulistas tiveram a marca ou o incentivo de Ciccillo. Contudo, sua principal contribuição à cultura brasileira foi, sem dúvida, a criação das Bienais de Artes, que estiveram sob seu comando durante 25 anos, colocando definitivamente a arte brasileira contemporânea nos circuitos internacionais. Visionário, soube o momento de deflagrar um dos mais importantes processos de atualização da cultura, quando fundou o MAM-SP, em 1948. Ciccillo esteve sempre envolvido nos principais projetos que transformaram São Paulo, da cidade provinciana do início da década de 30, num dos centros econômicos e culturais mais importantes do mundo.

 

 

 



Selecione abaixo a cadeira para mais detalhes
Cadeira 39 - Tancredo Neves
Tancredo de Almeida Neves GCTE (São João del-Rei, 4 de março de 1910 — São Paulo, 21 de abril de 1985) foi um advogado, empresário e político brasileiro. Natural do sul de Minas Gerais, formou-se em direito pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gera...
Acessar
Cadeira 13
Acessar
Cadeira 08
Acessar