PATRONOS

Lívio Rangan - Cadeira 21

Nascido em Trieste (Itália), Rangan chegou ao Brasil em 1953. Jornalista de profissão, ele começou na publicidade quando foi pedir o patrocínio da Rhodia para um espetáculo de balé. Acabou sendo contratado para dirigir o departamento de marketing da companhia. A saída da Rhodia, em 1970, causou um grande baque na Fenit. A feira perdeu o glamour e se voltou apenas aos executivos do setor. A carreira de Rangan, no entanto, seguiu na publicidade, com a Gang Propaganda. Fiel ao seu estilo contestador e revolucionário, ele deu vida a personagens memoráveis como a "barata falante" de Rodox. A experiência durou até a sua morte, em 1984, aos 51 anos.