EDUARDO GONÇALVES RIBEIRO

EDUARDO GONÇALVES RIBEIRO – CADEIRA 15

A Cadeira nº 15 tem como Patrono o político amazonense Eduardo Gonçalves Ribeiro, duas vezes Governador do Estado do Amazonas (1890-1891 e 1892-1896). Deixou como legado para o Amazonas e para o Brasil o Teatro Amazonas. Outras grandes obras de urbanização da cidade de Manaus executadas sob sua orientação (Reservatório do Mocó, Ponte Pênsil Benjamin Constant e o Palácio da Justiça do Amazonas), deram a capital do Amazonas o apelido de Paris dos Trópicos.

A Cadeira nº 15 não foi ocupada em 2006, quando da fundação da Academia Brasileira de Eventos e Turismo. Apenas 15 Cadeiras foram preenchidas na sua fundação. A Cadeira permaneceu vaga até o ano seguinte, quando o empresário Eraldo Alves da Cruz foi eleito Acadêmico Fundador da Cadeira nº 15, quando indicou o ex-governador amazonense Eduardo Gonçalves Ribeiro como Patrono da Cadeira.